Desencadeantes de Enxaqueca

Fatores desencadeantes de enxaqueca

Patrícia Timy FukuiI; Tessa Rachel Tranquillini GonçalvesI; Cintia Giunchetti StrabelliI; Natalia Maria Fernandes LucchinoI; Fernanda Cunha MatosI; Juliana Pinto Moreira dos SantosI; Eliova ZukermanII; Vera Zukerman-GuendlerII; Juliane Prieto MercanteII, IV; Marcelo Rodrigues MasruhaII, III; Domingos Sávio VieiraII, III; Mario Fernando Prieto PeresI, II, III

I Liga de Cefaléia da Faculdade de Medicina do ABC, São Bernardo SP, Brazil
II Instituto Israelita de Ensino e Pesquisa Albert Einstein, São Paulo SP, Brazil
III Neurociências, Universidade Federal de São Paulo, São Paulo SP, Brazil
IV AMBAN, Instituto de Psiquiatria da FMUSP, São Paulo SP, Brazil

——————————————————————————–

RESUMO

INTRODUÇÃO: A enxaqueca é uma doença neurológica crônica que apresenta diversos desencadeantes como fatores alimentares, hormonais e ambientais.

OBJETIVO: Analisar os fatores desencadeantes em uma amostra de pacientes com enxaqueca.

MÉTODO: Duzentos pacientes com diagnóstico de enxaqueca foram questionados sobre fatores que pudessem desencadear suas crises. RESULTADOS: 83,5% apresentaram algum fator alimentar, jejum foi o fator mais freqüente, seguido de álcool e chocolate. Dos fatores hormonais, o período pré-menstrual foi o mais freqüente. Atividade física causou enxaquecas em 13%, atividade sexual em 2,5%, estresse em 64% e 81% relataram o sono como fator desencadeante. Em relação aos fatores ambientais, odores foram desencadeantes em 36,5%.

CONCLUSÃO: Os fatores desencadeantes são freqüentes em enxaqueca e a sua detecção deve ser pormenorizada para que se reduza a freqüência de crises e melhore a qualidade de vida do paciente.

Palavras-chave: enxaqueca, fatores desencadeantes

——————————————————————————–

Trigger factors in migraine patients

ABSTRACT

BACKGROUND: Migraine is a chronic neurological disease with several trigger factors, including dietary, hormonal and environmental factors.

PURPOSE: To analyse precipitating factors in a sample of migraine patients.

METHOD: Two hundred consecutive migraine patients were interviewed about possible trigger factors for migraine attacks.

RESULTS: Most patients showed at least one dietary trigger, fasting was the most frequent one, followed by alcohol and chocolate. Hormonal factors appeared in 53% , being the pre-menstrual period the most frequent trigger. Physical activities caused migraine in 13%, sexual activities in 2.5% and 64% reported emotional stress a trigger factor. 81% related some sleep problem as a trigger factor. Regarding environmental factors, smells were reported by 36.5%.

CONCLUSION: Trigger factors are frequent in migraine patients, its avoidance may decrease headache frequency and also improve patients’ quality of life.

Key words: migraine, trigger factors.

Clique na imagem a seguir para baixar o arquivo:

Tags: , , ,

Trackback from your site.

Comments (35)

  • Rosa Regina

    |

    Tenho dor de cabeça crônica, durante o mês sãopoucos dias que fico sem dor. Já usei medicamentos diversos, amitripitilina, topamax, sibelium, inderal,depacot e outros. Não sei mais o que fazer, atualmente estou em crise constante foi hospitalizada Há dez dias e ontem também. Já fiz tratamento c/ homeopatia, atualmente iniciei acupuntura e estou indo a Recife amanhã em busco de mais um tratamento. Tenho muita dificuldades com os medicamentos alopátcos preventivos, pois tenho muitos efeitos colaterais, tonturas, sonolência excessiva, parei o tratamento que tinha iniciado em 30/07/2009 com Dr. Djacir Dantas, neuro daqui de Natal/RN, pois não tinha mais condição de trabalhar com os efeitos colaterais sentidos. Hoje tomo paroxitina de 30 mg, pois sou muito anciosa e já tive depressão e síndrome de pânico, por favor me ajudem, sei que a distância é muito grande, me sujiram o que fazer. Não sei mais onde e o que buscar. Já me falaram sobre alimentação funcional, o que acham?

    Reply

  • celio

    |

    Há uns 15 meses terminei um período de mais de três anos de estresse continuo, complicado principalmente pelo fator da ansiedade tudo acarretado devido ao tipo de tratamento que recebia em meu serviço o que cominou em uma crise emocinal forte com tratamento psiquiátrico, com um afastamento temporário (dois meses) do serviço e depois disto comecei a ter enxaqueca coisa que nunca tinha tido, será que pode ter algum relacionamento.

    Reply

  • LOURDINETE OLIVEIRA DOS SANTOS

    |

    Tenho dor de cabeça a mais ou menos 25anos ja procurei varios especialista e nada adianta ,estou ficando dezisperada com tanta dor as vezes penso que vou enloquecer.

    Reply

  • thwda

    |

    tenho dor de cabeça a mais de quarenta anos ja fiz muitos tratamento que não resolveu não,ela vem mais forte quando as fereiçoes tem muita gordutas,o que fazer

    Reply

  • Hegli

    |

    Obrigada!!!

    Reply

  • Monica F

    |

    Ola pessoal, moro nos EUA e nao tenho come acentuar as palavras, portanto desculpem o portugues esquisito.
    Sofro de enxaqueca ha 40 anos, meus filhos (2 adolescentes) tb tem mta dor de cabeca. Em Outubro de 2009 o de 14 anos teve uma crise em que nao parava de vomitar, palido, quase sem sentidos e temperatura por volta de 35.6C. Ja fui a 3 neuros, fiz Ressonancia, eletro, testamos 4 tipos de remedios e nada! O garoto esta com dor, que nunca passa so alivia um pouco, ha 4 meses!
    A intensidade da dor varia de suportavel e constante a insuportavel sem nem conseguir sair de casa. O vomito tb continua mas nao e tao frequente.
    Sempre piora durante as refeicoes, pensei que fosse devido a estar mastigando mas ele diz que mastiga chicle e nao piora. Problemas gastricos??? Tb fiquei sabendo de uma sindrome da temperatura baixa (aqui chamam de WTS- Sindrome de Temperatura de Wilson) parece que causa os sintomas acima.
    Nao sei mais como ajuda-lo, nao sei o que fazer. Alguma ideia, sugestao?
    Obrigada

    Reply

  • Hegli

    |

    O meu caso é parecido com o relatado pela Kátia, acima. Muitas vezes acho que a causa da minha enxaqueca são fatores ambientais como calor, exposição solar, ambientes fechados e tempo seco ou umido demais. SOfro disso há mais de 20 anos (tenho 34), não bebo, nem fumo, não utilizo perfume,não fico muito tempo sem comer, tenho uma alimentação restrista e balanceada, nao consumo adoçantes e nem leite há mais de 2 anos, parei de trabalhar em tempo integral e mesmo assim não resolve. Não sei mais o que fazer. Já fui a vários médicos e também fiz exames e não há melhora. Em dezembro de 2009 tive 5 crises que me levaram ao pronto socorro. A ultima que tive foi anteontem, foi muito forte, perda de visao e confusao mental, vomitava sem parar de tanta dor. Fui para o pronto socorro e, para variar ninguém sabe o que fazer e os medicamentos cada vez mais aumentam, dessa vez foi decadron, dipirona, plasil, tramal, valium e mais de um litro de soro e vou embora dopada e com dor (mais fraca mas ainda estou com dor). Cada neuro me prescreve um tratamento e nenhum dá certo. Me orientem,por favor.

    Reply

    • Mario Peres

      |

      Hegli,
      Insista em um tratamento preventivo!
      Procure um neurologista filiado à Sociedade Brasileira de Cefaleia, veja os nomes no sbcefaleia.com

      Reply

  • rita de cassia torres saraiva

    |

    tenho enxaqueca a muitos anos.Estou fazendo tratamento com o neurologista e não esta adiantando. A medicação que me recetou foi: Frissun,Cefalina ou outro analgèsico.So que estou tendo muitas crises,o que eu faço? Que devo evitar de comer?

    Reply

  • fernanda

    |

    minha enxaqueca nao passa,estou tomandoremedioe mesmo assim nada…
    ja fazem 5 dias…
    o que eu faço

    Reply

  • claudete

    |

    tenho enxaqueca faso tratamento com amato,tambem com sertalina,e frissun,gostaria de saber se posso tomar comprimidos para nao emgravidar,

    Reply

Leave a comment

Para Marcar Consulta

Para Marcar consulta com Dr Mario Peres, médico neurologista, CRM-SP 86494 ligue para (011) 3285-5726 para consultas no Centro de Cefaleia ou (011) 2151-0110 para consultas no Hospital Albert Einstein, sala 110.

Redes Sociais

Conheça também o portal Dor de Cabeça.net

Na mídia

Jornal da Tarde O Estado de São Paulo Folha de S.Paulo Radio Câmara Veja GAZETA Band TV BRASIL REDE GLOBO CBN RECORD Globo News Viva Saúde